COVID-19 continua impactando os parques Disney

COVID-19 continua impactando os parques Disney

Em 2020, todos os parques Disney fecharam em meio ao início da pandemia do coronavírus, alguns deles ficaram fechados a maior parte do ano. O Shanghai Disney Resort foi o primeiro deles a reabrir, testando práticas e protocolos que foram seguidos pelos demais parques temáticos ao redor do mundo, não somente os operados pela Disney. Mais de dois anos se passaram desde essa história reabertura, mas os parques Disney continuam impactados pela pandemia.

China

Desde 9 de outubro, o Shanghai Disney Resort começou a operar com capacidade reduzida. A falta de mão de obra é reflexo das medidas do governo chines para conter o coronavírus, que impede a circulação de pessoas em áreas com casos de COVID-19.

Para que alguns de nossos funcionários cumpram as medidas de controle da pandemia, precisamos operar com uma força de trabalho reduzida em caráter temporário.

Como resultado, a Shanghai Disneyland operará com ofertas reduzidas em 9 de outubro de 2022. Durante esse período, algumas experiências, incluindo a Donald’s Halloween Treat Cavalcade, bem como atrações selecionadas e entretenimento ao vivo, não estarão disponíveis, e o Mickey’s Storybook Express será presenteado com uma versão reduzida. O parque ainda permanecerá aberto e os dois hotéis do resort, a Disneytown e o Wishing Star Park, continuarão operando normalmente.

Shanghai Disney Resort

O Shanghai Disney Resort está oferecendo reembolso para os visitantes que decidirem/precisarem adiar/cancelar suas visitas.

Japão

Já outro lado do Mar da China, o complexo Disney japonês caminha em direção oposta. A Oriental Land Company, proprietária do Tokyo Disney Resort, não exige mais controle de temperatura para acesso aos parques Disney do Japão.

A mudança vai de encontro com as recomendações da associação de parques temáticos japonesa e alinha-se a proposta do governo japonês de reaquecer a indústria do turismo.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: