Coronavírus: Cirque Du Soleil dispensa 95% de seus empregados

“Drawn To Life”e o retorno do Cirque du Soleil
Imagem: Cirque Du Soleil

O Cirque Du Soleil anunciou que está dispensando 95% de seus empregados, enxugando o quadro da empresa para enfrentar a crise atual. Esse anuncio colocou uma grande nuvem negra no espetáculo “Drawn To Life” que sequer conseguiu realizar sua pré-estreia.

Drawn To Life é uma parceria da Disney e do Cirque Du Soleil e estava prevista para realizar sua pré-estreia no dia 20 de Março e sua grande estreia oficial em Abril, mas esses planos foram descartados, principalmente agora que os artistas foram dispensados da empresa.

“No cenário atual, não há fluxo de caixa na empresa, e nós não sabemos quando ele irá retornar, é por isso que estamos fazendo isso. Dispensamos a maioria de nossos funcionários e manteremos somente uma fração mínima para que quando possível possamos retomar as operação em um curto período de tempo.”

Daniel Lamarre, CEO do Cirque Du Soleil, em entrevista ao Montreal Gazette.

Aqueles que possuem ingressos para o espetáculo Drawn To Life devem entrar em contato com seu ponto de venda para reembolsos.

Resposta a “Coronavírus: Cirque Du Soleil dispensa 95% de seus empregados”

  1. […] do Cirque Du Soleil ter entrado com o pedido de recuperação judicial e demitido quase todos seus funcionários, a empresa manteve os artistas do novo show. Ocupando o lugar que La Nouba deixou, o espetáculo […]

Comentários

%d blogueiros gostam disto: